Muitas vezes é difícil acreditar que algo muito simples pode resolver um grave problema, não é mesmo?

Contudo, o que você talvez não saiba é que existe um hormônio em nosso corpo que tem a capacidade de nos proteger do coronavírus. Esse hormônio se chama Colecalciferol. Em outras palavras: Vitamina D3. Sim, essa chamada vitamina na verdade é um hormônio extremamente poderoso do nosso organismo. Afinal, ele mantém nosso sistema imune regulado.

O que isso quer dizer?

Isso significa que pessoas que apresentam esse hormônio em níveis adequados possuem um sistema imune mais forte. Mas, parece muito simples para ser verdade, não é mesmo? Sim. É muito simples e uma verdade incontestável. Só para exemplificar, um levantamento recente em 20 países da Europa mostrou que quanto mais vitamina D3 no organismo, menor o risco de contrair o COVID-19. Além disso, esse mesmo levantamento mostrou que com altos níveis dessa vitamina no corpo, diminui-se muito as chances de desenvolver sintomas graves da doença.

Mas quais são os níveis adequados de Vitamina D3?

Esse levantamento mostrou que quem tem níveis acima de 30ng/ml apresenta baixas chances de contrair coronavírus e, caso se infecte, de desenvolver sintomas graves.

E o que devo fazer para manter níveis adequados de vitamina D3 no meu organismo?

Primeiramente, recomenda-se tomar sol com frequência. Afinal, a produção dessa vitamina acorre na nossa pele pela ação dos raios solares (mais especificamente os raios ultravioletas tipo B). É imprescindível ainda suplementar vitamina D3. Assim, é possível manter níveis adequados no organismo e desenvolver o sistema imune, reduzindo as chances de contrair e desenvolver o COVID-19. 

Mas, quanto de vitamina D3 devo tomar?

A quantidade de vitamina adequada é proporcional ao peso corporal. Isto é, 200UI para cada quilograma de peso. Uma pessoa que pesa 70kg, por exemplo, deve ingerir 14.000UI ao dia.

Comece o quanto antes a suplementar esse hormônio poderoso.